Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O infantário, o xixi e o cocó

por anajoao2006, em 24.07.08

Parece que as fotos do aniversário já foram. É pena, gostava de poder 'imprimir' estes momentos em papel fotográfico, mas assim sendo, ficam na memória.


Passados 3 meses... há imensas novidades. A maior alteração à rotina do Xavier foi a entrada no infantário. Dia 16 de Junho de 2008 o Xavier foi pela 1ª vez para o infantário. Só deveria começar em Setembro, mas um súbito problema de saúde do avô materno precipitou a entrada na escolinha. Primeiro dia, ficou lá enganado, nem chorou. Primeira semana, chorou baba e ranho, segunda semana, chorou baba e ranho, terceira semana, chorou baba e ranho. Quando perguntam ao Xavier o que fez na escolinha a resposta é sempre igual: 'chorei pelo pai e pela mãe'. Aliás, minto, desde que a avó o vai buscar a meio da tarde que ele também diz que chora pela avó. Portanto, a escola foi um drama durante 3 semanas, até que, finalmente ele começava a ficar só com beicinho, mas sem baba nem ranho. Este novo estado durou 2 dias, ao fim dos quais ficou doente e teve que ficar em casa 1 semana e meia. Ontem voltou ao infantário..... e começou tudo de novo: baba e ranho! Todos dizem que é normal, a adaptação demora, custa, é verdade, mas também custa muito aos pais, deixar o filho para trás, a chorar desalmadamente e a gritar pelo nosso nome, enfim... o que não nos mata deixa-nos mais forte (segundo dizem..).


Com 2 anos feitos e em pleno desenvolvimento o Xavier vai começando a querer tornar-se independente. Cada vez mais tem a sua vontade e sabe o que quer. Assim descrito parece ser espectacular, mas os conflitos são cada vez mais. Ou porque o que ele quer não tem grande (ou nenhuma) viabilidade e alguém tem que lhe dizer que não (e quando isto acontece as coisas tornam-se barulhentas). Ou porque o que ele quer comporta perigos de que ele não tem noção e alguém tem que o acompanhar. Ou simplesmente porque quer (mesmo!) que participemos na brincadeira dele com as suas regras específicas. À conta desta última faceta, temos andado cá em casa de raquete na mão todos os momentos do dia que estamos juntos.


Curiosamente o Xavier desenvolveu um forte fascínio (para não dizer obsessão) por raquetes, de forma que quem estiver perto dele tem que ter uma raquete na mão, nem que seja para o ver jogar sozinho. Raquetes à parte (ténis, ping-pong, badminton, e afins), bolas e carros são os brinquedos favoritos.


Também tem evoluído bastante nos jogos de encaixe e os legos começam a circular pela casa (o que, mais uma vez, é bom e mau, pelas razões óbvias); já constrói torres, pontes e casas.


O vocabulário, embora a crescer ainda tem muitas falhas, consoantes como 'r', 'c', 'x' e 's' ainda são um problema e claro, o outro problema é a preguiça de falar correctamente: porquê dizer ‘leite’ quando posso dizer ‘tei’? Com tempo e paciência irá ao sítio.


O xixi no pote é outro problema (dos maus, que dá muito trabalho). Se estiver lá sentado e acontecer passar por ele a vontade, muito bem, o Xavi faz xixi, cocó e tudo a que um potinho tem direito. Mas se andar todo nu ou de cuecas a passear-se pela casa e a vontade o atingir, também não há problema nenhum, é mesmo ali, nem que o pote esteja ao lado. Ultimamente e como estamos a enveredar pelo “potty training”, temos tido oportunidade de dar bom uso à esfregona, tem sido um verdadeiro festival de xixi e (sim!) até de cocó!


Bom, questões escatológicas à parte, a paternidade está a correr bem, embora ultimamente tenha tido uns verdadeiros “challenge tests” à minha paciência e à minha integridade psicológica, bem como física, as férias estão a caminho. A maternidade continua a ser infinitamente recompensadora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:08


1 comentário

De maria a 24.07.2008 às 18:55

a "tianidade" também tem sido altamente recompensadora.
o Xavi é fabuloso.
Nós somos a Mimia e o Mémá e gostamos muito de o ser.
Ai de quem tenha um cognome atribuido pelo xavi que tenha a mesma sonoridade (recordo agora a sofia a quem o xavi chama bibia o que me irrita solenemente;)
mas resumindo, o xavier tem sido uma bela lufada de ar fresco para o gang e fica-nos muito bem a todos. agora até tem uma amiguinha bem gira para ele proteger (a ritinha - que tb é um amor!)

bem xavi, fica com um beijinho da mimia e do mémá .

Continua a crescer assim mesmo...

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisa

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2008

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031




Arquivos

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2007
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2006
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2005
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D